Manifestação do Fora Arruda fecha o Eixo Monumental (10/02)

Dito e feito. Conforme prometido, o Fora Arruda não ficou só no rock’n roll tolo. João Gordo achou que poderia se utilizar impunemente do movimento para promover seu novo programa de tv, e ainda pagar de politizado. Imaginem vocês a cara do artista quando o povo começou a gritar “gordo vem pra pista! gordo vem pra pista!”, alguns momentos após ocupar todas as seis faixas do Eixo Monumental. Ao invés de utilizar o movimento, o Gordo teve parte de sua platéia “cooptada” para um ato espontâneo contra o Arruda.

A rebeldia da galera não ficou contida às estéreis rodinhas punks e aos xingamentos saídos do trio elétrico. Na primeira oportunidade, a massa se rebelou, e por volta das seis horas da tarde, o Eixo Monumental estava ocupado, em toda a sua largura. Mais um pouco, e o povo achou que era hora de ir descendo. A massa de mais de mil pessoas foi, ao som das palavras de ordem e da batucada, até a rodoviária, onde foi recebida uma grande quantidade de pessoas.

De lá, a galera foi (sempre na contramão) atrapalhando motoristas, que mesmo assim insistiam em apoiar o movimento e  protestar contra o Arruda e o P.O. com suas buzinas, até o STF. Além do velho e bom “okupa e resiste”, a galera gritou também coisas do tipo “ô seu ministro, presta atenção, vê se não solta mais esse ladrão” e “gilmar mendes, vai se foder, foi você quem liberou o P.D.O.T.” Antes das 10 da noite tudo já estava terminado.

Como o ato foi espontâneo, praticamente não haviam bandeiras de partidos nem de centrais sindicais. Havia apenas uma grande faixa escrito “sem partido”, e que talvez represente melhor a galera que vem construindo o movimento ao longo do tempo.

Amanhã este blog deve levar ao ar um vídeo com os principais momentos do ato. Ao contrário do que vinha acontecendo, a manifestação quase não repercurtiu na mídia “oficial” da internet, que se resumiu à divulgar notas lacônicas e mal humoradas, de dois parágrafos, reclamando da interrupção do trânsito.

2 Respostas to “Manifestação do Fora Arruda fecha o Eixo Monumental (10/02)”

  1. Que bom que ainda existe alguns brasilienses que têm a cara de sair na rua pra protestar contra essa palhaçada que chamam de governo aqui no DF.
    Força ao movimento e não desistam!
    Só é uma pena que dono da coluna ai taxar o apoio dos rockeiros presentes de “rocck’n’roll tolo” em “estéreis rodinhas punks”..
    Essa parece ser a doença da oposição aqui no DF, apesar de grupos diferentes protestarem contra um mal comum, ao invés de se tolerarem em prol desta causa, se enchergam como adversários.
    O fato de ter um artista pop, um programa de TV ou um estilo musical diferente no meio da manifestação já desmerece a participação.
    Enquanto isso Arruda saboreia entre gargalhadas mais um pedaço de panetone.
    Lamentável…

  2. blogdobatman Says:

    ora meu caro, o blog do batman também ouve rock n’ roll. meu imprompério se dirigiu especificamente à musica do João Gordo. Historicamente o rock tem sido uma força motriz da rebeldia juvenil, pelo quê deve ser louvado. Quanto às rodinhas punks, convenhamos que por mais divertidas que sejam, só fazem desgastar as pessoas, sem servir de protesto. De qualquer forma, acredito que qualquer apoio é valido. Basta lembrar que sem o show, não haveria passeata.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: