Arquivo para animais

Aves molestam e matam

Posted in Amenidades with tags , , , on 18/08/2009 by blogdobatman

Um grupo de Kiwis invadiu uma pequena propriedade rural num subúrbio de Auckland, na Nova Zelândia. Apesar de serem conhecidas pelo temperamento pacífico e “bobão”, os Kiwis revoltados mataram uma ovelha e abusaram de um cão pastor naquela tarde.

“Eu ouvi o cachorro latindo muito e um barulho estranho. Pensei que meu sítio estava sendo roubado” disse Tom McLoweed, dono do sítio onde os crimes ocorreram. Afim de defender a propriedade, o Sr. McLoweed foi até a origem dos barulhos empunhando uma grande tesoura de aparar lã. Chegando lá, assistiu horrorizado à carnificina animal. “Quando cheguei próximo ao riacho,vi que uma de minhas ovelhas estava sangrando, já morta, provavelmente, e um bando de kiwis cercando o meu cão-pastor. O Fridel estava estático, apenas latindo, mas sem nenhuma reação frente a tantas aves” O cão de McLoweed sofreu vários ferimentos na região anal, causados principalmente pelos bicos afiados das aves.

the birds

Os sacerdotes da ciência locais explicaram que o incidente com os kiwis pode ter sido causado pelo stress decorrente da destruição do ambiente natural dos bichos, favorecido pela expansão urbana desordenada.

Memórias de Woodstock: o gay que salvou o festival

Posted in Amenidades with tags , , , , , , , , , , , , , , on 16/08/2009 by blogdobatman

O festival que mudou o mundo faz aniversário, e já tem quarenta velinhas em seu bolo. Depois de todo esse tempo, muito já se sabe sobre ele – quase tudo. O que é inédito para a maioria é a história de Elliot Tiber, “o gay que salvou Woodstock”.

Elliot Tiber em 1969 à esquerda e foto recente à direita: o charme em pessoa

Elliot Tiber em 1969 à esquerda e foto recente à direita: o charme em pessoa

A 145 km de Nova York de 15 a 17 de agosto de 1969 ocorreu a maior festa em prol da nova música, do amor livre; dos ideais de liberdade sexual, cultural, ideológico; do espírito comunitário, da paz. O festival aconteceu em Bethel, Nova York, mas, se não fosse Elliot, muito provavelmente não teria acontecido. O que sucedeu foi o seguinte: o festival já estava planejado para ser realizado em Wallkill, mas a câmara de vereadores local vetou o evento. Correm boatos de que um primo e um tio de Sarney eram vereadores, mas ninguém confirma. Enfim, o veto deixou Michael Lang – que estava produzindo o projeto – com um superproblema, já tendo sido gastos mais de 2 milhões de dólares. Eis que entra em cena nosso salvador, Elliot Tiber, que trabalhava num hotel de beira de estrada que seus pais haviam comprado, e teve a iluminação: “nós podemos sediar o festival”.

Capa do livro versão brasileira

Capa do livro versão brasileira

Elliot acaba de lançar um livro, de título Taking Woodstock (abrasileirado Aconteceu em Woodstock), em que conta tudo sobre a organização, o ritmo alucinante do evento, das frias e das glórias conquistadas. O livro serviu de base para uma comédia de Ang Lee, que chega aos cinemas no final deste mês, e que promete uma nova luz sobre o evento. Link para entrevista completa no G1: http://migre.me/5gP3

Por mais que os hippies americanos não tenham sido tão politizados quanto os universitários parisienses, a luta por uma moral mais branda foi mútua e importantíssima. E se hoje temos liberdades, opiniões, e direitos (como criar um blog para falar qualquer coisa), os devemos, inclusive, a pessoas como ele, Elliot Tiber.

Sexo com cavalos causa prisão (de novo)

Posted in ???????, Humanidade bizarra with tags , , , , , , on 07/08/2009 by blogdobatman

Na semana passada um americano de 50 anos foi preso por manter relações sexuais com um cavalo. Segundo o xerife da cidade, isso constitui um crime pois é considerado maus-tratos ao animal, alardando assim também entidades em defesa dos nossos companheiros não tão racionais, como, por exemplo, o PETA.

Além disso, muito conservadores como são os americanos, o nosso companheiro zoófilo também está sendo acusado de crime contra a moral (?), invasão de propriedade e dano à propriedade. As duas últimas acusações aconteceram porque o cavalo não pertencia ao senhor, que invadia periodicamente o rancho onde ficava o cavalo, localizado na Carolina do Sul.

Sugar, o cavalo que foi molestado, no momento passa bem. Ele se recusou a dar entrevista

Sugar, o cavalo que foi molestado, no momento passa bem. Ele se recusou a dar entrevista

Resultado por ter pulado a cerca: cinco anos de prisão, uma multa de US$ 250 mil e uma fiança de 10 mil dólares. Mas, por que tudo isso? Segundo a polícia local, Rodell Vereen é reincidente no crime: em 2008 ele já havia sido condenado à 3 meses de condicional por ter sido flagrado fazendo o mesmo através de câmeras de vídeo instaladas na propriedade. Segundo a dona do rancho, Barbara Kenley, ela decidiu aumentar a segurança de sua propriedade pois seus animais começaram a aparecer com estranhas infecções.

Gangues de babuínos aterrorizam Cape Town

Posted in Des-Informação with tags , , on 27/06/2009 by blogdobatman

Um espectro ronda os subúrbios da Cidade do Cabo, na África do Sul. Atualmente, os moradores lutam contra hordas famintas de babuínos. Grupos formados por até vinte macacos são andam pela cidade atrás de comida, seja abrindo e espalhando sacos de lixo, seja invadindo as cozinhas humanas.

Os moradores revidam como podem: alguns atiram nos bichos, outros tentam envenená-los, mas já foram relatados casos de babuínos que atacaram e feriram pessoas em suas próprias cozinhas. O relato de uma moradora ajuda a dimensionar o problema: “Eles quebram as janelas para entrar nas casas” ela diz, ” Eles conseguem até mesmo abrir portas, e quando entram, fazem muita bagunça. Arrasam a geladeira, destroem os móveis e cagam o lugar todo.”

O problema etológico provavelmente tem a ver com a degradação do meio onde os animais viviam anteriormente  e do qual foram expulsos pela expansão das áreas urbanas.

Os humanos do local se mostram pelo menos tão belicosos quanto os babuínos. Num subúrbio chamado Welcome Glen, por exemplo, foram formados grupos pró e contra babuínos. Uns lutam para acabar com os antropóides e outros para defendê-los do massacre.

Marsupiais viciados em papoula na Austrália

Posted in ??????? with tags , , on 26/06/2009 by blogdobatman

              Um marsupial parente do canguru – o wallabie – pode ser visto fazendo a mente na Austrália. O país produz metade de toda a papoula legal do mundo, da qual se fazem analgésicos como a morfina. Os cangurus são frequentemente vistos próximos às plantações de papoula.

– se você ver um destes, não coma.

Ao comerem as plantas, os cangurus acabam sofrendo danos neurológicos que os fazem andar em círculos dentro das plantações. Por causa da lombra dos pequenos mamíferos, surgem as marcas circulares que já foram atribuidas outrora à visitas alienígenas.

Na Austrália já eram conhecidas histórias de outrs tipos de animais ficando bem loucos, como ovelhas que comiam os frutos maduros da papoula e desenhavam círculos semelhantes. A loucura dos animais acabou despertando o debate sobre a segurança nas plantações de papoulas.