Arquivo para morte súbita

No passinho do menó crackudo…

Posted in ??????? with tags , , , , on 14/04/2010 by blogdobatman

Cate seu copo de Guaravita, e venha com MC Maromba, curtir  no hit de todos os verões.

A opinião que faltava: Glauber Rocha comenta José Sarney

Posted in conspiração with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 11/08/2009 by blogdobatman

Crise no senado, escândalo das passagens aéreas, moralização política, movimentos pelo afastamento de José Sarney, moral VS. legal – desses temas todos nós estamos cansados de ouvir falar nestes tempos bicudos (não mais do que na gripe suína A H1N1). Sobre esses assuntos não há mais novidades, certo? Errado, pois eis que surge do fundo das trevas do mais que iluminado youtube a opinião: Glauber Rocha antevê em seu registro da posse de Sarney como governador do glorioso estado do Maranhão em 1966 as profundas transformações econômicas, sociais e políticas que ocorreriam não só naquele estado, mas em todo o Brasil nos tempos breves.

MegaNão à vigilância na Internet

Posted in conspiração, Des-Informação with tags , , , , , , , , , on 10/08/2009 by blogdobatman

Um espectro ronda a rede mundial de computadores. Em todo o mundo, da França à China, dos EUA à Coréia do Norte e ao Brasil, os governos tentam impor controles cada vez mais duros à difusão de informação e cultura na Internet. Tais medidas atendem aos anseios anti-democráticos de grandes corporações que detestam ver a Internet como um espaço de globalização do conhecimento, um espaço fora do controle deles. Por isso surgiu o meta movimento entitulado MegaNão, que luta contra o vigilantismo do espaço virtual.

internet livre!

Internet livre!

Neste momento o MegaNão combate principalmente  o PL 84/99, o chamado AI-5 digital do Senador Eduardo Azeredo,  que tem diversos problemas graves conforme estudo colaborativo desenvolvido por diversos ciberativistas disponível aqui. Nós do BlogDoBatman já falamos sobre esse famigerado projeto num post anterior. https://blogdobatman.wordpress.com/2009/06/14/o-ai-5-digital-do-sen-azeredo/ Nós acreditamos na internet como um espaço formidável para uma globalização justa e humanitária do conhecimento.

Mark Lester reivindica: “eu sou o verdadeiro pai da filha de Michael Jackson”

Posted in conspiração with tags , , , , , , , , , , , on 09/08/2009 by blogdobatman

Seria Mark Lester o verdadeiro pai da filha de MJ Paris? Segundo o ex-ator, sim, ele foi o doador do esperma que deu origem à garota Paris.

Paris e Harriet

À direita, Harriet, filha de Mark; à esquerda, Paris

Em entrevista bombástica, Mark Lester – grande amigo de Michael – revela que doou sêmen para o cantor conseguir ter filhos. A declaração pegou de surpresa não só a mídia mundial, como a própria mulher de Mark, que até ontem não sabia de nada. “Em 1996, Michael me perguntou se lhe daria esperma, e disse que sim. Foi um presente para ele. Não pagou dinheiro nenhum. Foi algo que tive a honra de fazer. Ele queria ter filhos”. Uma atitude fofa, de fato. Mark é padrinho dos três filhos de Michael: Prince Michael Jackson, de 12 anos, Paris, de 11, e Prince Michael Jackson II – apelidado de Blanket – de 7 anos.

Mark Lester é um ex-ator que ficou famoso pelo filme musical Oliver!, tem 51 anos, e hoje é médico osteopata. É casado e tem quatro filhos – que, segundo o próprio, tem todos uma grande semelhança com Paris. Ele explica: “Paris é pálida, com olhos azuis. Todas minhas filhas são brancas com olhos azuis. Muita gente comentou o quanto Harriet e Paris se parecem.”

Na entrevista, Lester ainda se diz muito triste com a mãe de Michael, Katherine, que obteve a guarda dos três filhos do cantor, e, desde então, não atende mais aos telefonemas nem responde aos e-mails dele: “quero ter contato com ela, Prince e Blanket, sem que importe se algum deles ou todos são meus. Acho que é cruel que tenham me excluído deles”.

O BlogDoBatman poderia fazer vários comentários sobre o caso, mas tem uma coisa apenas a declarar: #LEAVEMJKIDSALONE.

Twitter homossexual: ativo ou passivo?

Posted in Amenidades with tags , , , , , , , , , , on 23/07/2009 by blogdobatman

Eis que surge – tava demorando – um twitter dedicado à comunidade gay. O esquema é o mesmo, uma interface de micro blogging micro-blogging microblogging (não sabemos como se escreve isso depois da reforma ortográfica), limitada a mensagens de 140 caracteres, na qual você pode seguir seus amigos, e eles te seguirem reciprocamente. Bem parecido, a não ser, é claro, por ser rosa.

O domínio é da empresa de nome “Club Be Yourself Ltd.” e o serviço é grátis, está cheio de amor pra dar.

Usuário @robaire (http://www.140gay.com///index.php/robaire)

Usuário @robaire

Em um breve papo com o BlogDoBatman (foi breve, juro), Robaire Watson considera iniciativas como essa importantes para a causa gay. Ele mora em San Francisco e acha que um twitter gay apenas corrobora as lutas por direitos iguais dos gays no mundo todo.

O BlogDoBatman não só apoia o twitter para gays, como o Orkut para pets, o forum para emos, o forum para revolucionários e qualquer outra manifestação das minorias – mesmo que pró-segregação, se asim as minorias desejarem.

Funeral e “Business”

Posted in Des-Informação, Humanidade bizarra with tags , , on 13/07/2009 by blogdobatman

A indústria do entretenimento mostra mais uma vez toda a sua ferocidade. Nem bem  o cadáver descolorido e plastificado do rei do pop esfriou, e a galera se movimentou para colher os dividendos publicitários da morte de Michael.

viva o lado coca-cola do enterrro

viva o lado coca-cola do enterro

Além da referida venda de ingressos, que chegaram a ser cotados à 10.000 dólares na internet, houveram também (e principalmente) milhões e milhões de dólares de licenciamento publicitário, como demonstra a foto acima. O enterro de Michael foi transformado num business global, o que aliás não causa surpresa alguma.

O evento feito no Staples Center (ironicamente, o mesmo estádio onde ele ensaiava quando morreu) foi assistido por 32 milhões de pessoas apenas nos Estados Unidos. Uma grande audiência, mas que ficou atrás daquela do enterro de Ronald Reagan, por exemplo.

Memória da propaganda

Posted in Amenidades, Humanidade bizarra with tags , , , , on 01/07/2009 by blogdobatman

Na era dourada da indústria do cigarro, tudo era permitido. Esses anúncios aqui, por exemplo, visavam as gestantes e seus bebês – que afinal de contas seriam os futuros clientes.

No layout laranja, o bebê pede “Mamãe, antes de xaropar comigo, você podia acender um marlboro”. No outro, ele exclama ” Nossa, mãe, você realmente adora o seu marlboro”

O fato é que a mente publicitária de todos os tempos funciona de um jeito bem simples: “Precisamos vender cigarros para as mulheres, já que os homens morreram na guerra. Mulheres adoram bebês, então vamos colocar bebês nos anúncios de cigarros”; o pior é que deve ter funcionado.